14 06, 2024

EM BEM-AVENTURANÇA CONVERTEU-SE MINHA CULPA PARA MINHA ALMA DOLORIDA DIANTE DE JESUS CRUCIFICADO

Bem-aventurada eu, com a carga dos meus pecados, por tal Redentor! Mas, apetece-lhe mais ao amor que tenho por ti, meu Jesus do Calvário e da Eucaristia, que criatura alguma nunca tivesse rebelado contra a tua Santidade infinita, e que te forçou, para a manifestação do teu infinito poder e o esplendor da tua glória, a realizar uma coisa tão maravilhosa para nós como dramática sobre Ti, para poder-nos remir dos nossos pecados, readaptando-nos aos planos eternos de Deus, que nos criou só e exclusivamente para que o possuíssemos, elevando-nos à dignidade inimaginável e insuspeitada de ser filhos seus, herdeiros da sua glória, e partícipes da vida divina.

24 05, 2024

A EXCELÊNCIA DE DEUS

Era tanta a excelência de Deus, tão imensa a grandeza do seu infinito ser na plenitude da sua força, tão infinitamente distinto e distante de tudo o que Ele não era, que tudo o que não era Ele, diante da minha mirada espiritual, praticamente passava a não ser… Nada era senão Deus!, porque Deus se era o único que era na plenitude excelente do poderio do seu infinito, consubstancial e coeterno ser divino.

13 04, 2024

PORQUE CREIO NA VIDA ETERNA, ABRASO-ME NAS MINHAS SAUDADES PELO ENCONTRO DEFINITIVO COM O AMADO

Ó Eternidade infinitamente santa, na qual a alma pequenina e sedenta de justiça e verdade saciar-se-á face a face com as divinas Pupilas, na contemplação da tua divina Face…! Ó Eternidade, Eternidade…!, és a apetência saboreável da minha alma desterrada, a necessidade urgente de todo o meu ser inadaptado a este lugar de mentira, de incompreensão, de dor e de prova… És tu, ó Eternidade querida!, a necessidade, em saciedade, da minha alma enamorada e cativada pela formosura do teu rosto…

30 03, 2024

BEM-VINDO SEJA O HOMEM AO SEIO DO PAI!

Que sábado de triunfo tão glorioso!, no qual a alma do Unigênito de Deus, que ao mesmo tempo é o Filho do Homem, abre pelo fruto da sua Redenção os portões suntuosos da Eternidade, fechados desde o Paraíso terrestre pelo pecado em rebelião dos nossos primeiros Pais; e alçam-se as antigas comportas diante do passo impetuoso de irresistível poderio da alma do Unigênito de Deus imolado, em triunfo de glória.

15 03, 2024

JESUS

Que riqueza encerra em si Jesus…! Parece que a mente se rompe diante da perfeição da sua natureza criada, que foi capaz de viver, numa intensidade tão transcendente e num mesmo instante, todo o gozo que lhe proporcionava a comunicação familiar que vivia com as divinas Pessoas, e por outra parte, a dor do desamor dos homens que Ele representava diante de Deus.

Go to Top